Pedido de Música

Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

União é caminho ideal para desenvolvimento de mulheres empreendedoras em rede, aponta especialista - Saj Net

União é caminho ideal para desenvolvimento de mulheres empreendedoras em rede, aponta especialista

(Divulgação)

Seminário teve expressiva presença de homens e mulheres de Santo Antônio de Jesus e de cidades circunvizinhas

 

Daiany França é empreendedora, semeadora de ideias, maker creative, designer educacional e gestora de projetos sociais, além de participar de grupo da ONU Mulheres e coordenar o Instituto Rede Mulher Empreendedora. Com um currículo tão qualificado, a jovem de apenas 30 anos também é “empreteca” e ministrou, na noite da última quarta-feira, 13 de março, a palestra “Mulheres e empreendedorismo”, realizada pelo Sebrae no Antonius Imperial Hotel, em Santo Antônio de Jesus.

De acordo com a palestrante, o melhor caminho para potencializar o empreendedorismo feminino em rede é a união das próprias mulheres. Durante o evento, a especialista apresentou dados que representam dificuldades das mulheres em relação aos homens no universo empreendedor como diferenças salariais, falta de representatividade, menos acesso à educação e problemas com planejamento financeiro e gestão de tempo.

Na sua apresentação, Daiany mostrou que 24 milhões de mulheres empreendem no país, sendo que 10 milhões delas já têm empresas estáveis e outras 14 milhões seguem em estruturação do próprio negócio.

Ela apresentou ainda outros dados importantes: 86% das empreendedoras iniciam o negócio sem planejamento, recebem 30% a menos do que os homens ocupando o mesmo cargo e 48% empreendem por necessidade e que ficam desempregadas por cerca de dois anos após retorno de licença maternidade.

Os índices, segundo Daiany, apontam para uma questão que deve ser solucionada com o esforço coletivo de homens e mulheres. “Os dados representam um desafio que deve ser superado juntos, sem distinção de gênero. Nós, homens e mulheres, somos todos partes do problema e da solução”, destaca.

Um talk show com as presenças da escritora premiada, especialista em design thinking e gestora na Oxe Conteúdo, Tatiele Silva; da digital influencer instablog “Quero Ser Rica”, Fernanda Silva; e do presidente do Grupo Frei Felipe, Luiz Andrade Júnior, também integrou o evento, mostrando exemplos locais de empreendedores de sucesso.

A analista do Sebrae, psicóloga e especialista em gestão de projetos e Neuropsicologia, Maria Guadalupe mediou o talk show e lembrou a importância de ter atitude para chegar onde se pretende.

“Sonhar é projetar o futuro, no campo das ideias. Já empreender é ação, no campo do comportamento. Para empreender necessitamos agir no sentido de implementar ações que nos possibilite atingir nosso objetivo final, requer coragem e persistência”, aponta.

Iana Souza já fez Empretec e Bootcamp. Ela participou do seminário e expõe suas impressões sobre o evento. “Já atravessei dificuldades, mas nunca parei de empreender – em casa, no trabalho e na vida. Achei muito importante, principalmente a parte que fala de atitude para empreender. Fazendo as ligações entre a primeira palestra e o talk show, pude assimilar que para você empreender no mercado do trabalho, é preciso ter atitude e saber que há espaço para atuação das mulheres no mercado”, analisa.

Para a analista do Sebrae em Santo Antônio de Jesus, Maiane Matos, o evento potencializa um movimento maior de ocupação de espaços pelo público feminino.

“Falar de empreendedorismo feminino não é fácil, principalmente em espaços onde o homem ainda é maioria. Essa ação mostra a importância e a necessidade do tema, pois a mulher está começando a se inclinar e a ganhar fôlego para preencher esses espaços. Acredito que, a cada ano, o Sebrae realiza ações como esta focando a mulher, mas oportunizando a participação de todos, mostrando que a nossa missão é completa”, conclui.

(Agência Sebrae de Notícias Bahia/Rafael Lopes)

Deixe seu comentário:

© Todos os Direitos Reservados Rádio Saj Net - 2008 - 2019 - Grupo Atlas de Comunicação